Summer 2013: escolhas, apostas e impressões

Summer2013

Vampiros, animais e bonecas falantes, vida na fazenda, otakus, BroComplex, youkais, demônios, nadadores moe, jogo de sobrevivência, coveira moe, ninjas-aves-científicos, vida no escritório e outros… Que temporada eclética. Ou será que nem tanto assim?

Para dar conta de conhecer essas estreias tive que tirar tempo de lugares que nem sabiam que existiam, e estou contente de ter conseguido fazer isso (que vício). Não faço a mínima ideia de quais vou conseguir terminar, pois atualmente minha vida está uma “caixinha de surpresas”, por isso achei melhor fazer o post no início da temporada do que no fim. Como no post da spring cour, as impressões estão divididas em “Efeito halo” (frase que resume minha impressão do anime), “Déjà vu” (com nomes de obras que me vieram à memória) e por último o comentário geral. E vamos por ordem alfabética:

Blood Lad

capture-20130807-000315

Efeito halo: Quando achava que já tinha visto de tudo… um vampiro otaku!

Déjà vu: Rosario+Vampire, Bakemonogatari.

Comentário geral: acompanhei os primeiros capítulos do mangá e resolvi ver a versão animada. Gosto da liberdade do gênero seinen, um exemplo é o que acontece logo no primeiro episódio (um shounen não começaria assim). Staz e Fuyumi tem uma boa química, e a chegada de Wolf deixa tudo mais legal.

Brothers Conflict

capture-20130807-000158

Efeito halo: Escolha seu Husbando Não há tabu no que se refere ao amor Tentando resgatar a honra dos reverse hárens.

Déjà vu: Fruits Basket, mangá “Animal Jungle” e o dorama “Atashinchi no Danshi”.

Comentário geral: Depois de virar do avesso para dar conta do roteiro de Amnesia, me satisfaz ver que o Brains Base finalmente resolveu investir em algo mais simples como um slice-of-life. Arcana Famiglia deu um banho de água fria nos fãs do gênero, mas pelo visto adaptações de Otome games devem dar lucro indireto (propagando o original), senão já teriam parado com isso (a temporada de outono também terá um anime do tipo). Até agora estou me divertindo com esse anime (o primeiro episódio já brinca com o “tabu dos gêmeos”), recomendo para quem está afim de uma comédia romântica descompromissada (onde no fim ela não fica com nenhum). A abertura e encerramento são animadinhos. Destaque para o esquilo Julie, o único com bom senso nesse anime.

Danganronpa: Kibou no Gakuen to Zetsubou no Koukousei – The Animation

capture-20130807-000612

Efeito halo: “I want play a game” é para os fracos. Pupupu!

Déjà vu: BTOOOM!, Mirai Nikki.

Comentário geral: Jogos de sobrevivência são sempre interessantes de ver, e Danganronpa soube usar o melhor desse estilo: situações bizarras, personagens de diferentes personalidades e suspense. A animação conseguiu se destacar, não sendo desagradável como pensei que seria. Adquiri uma raiva enorme do irritante Monokuma, mas tenho a leve impressão que no fim esse maldito vai se dar bem. Não me admira ser uma academia certificada pelo governo…

Free!

capture-20130807-001115

Efeito halo: Finalmente perceberam que mulheres também dão lucro nesse ramo.

Déjà vu: K-ON (óbvio), Kuroko no Basket, e o dorama Tumbling (adoro).

Comentário geral: Como esperado, o KyoAni está usando sua fórmula de humor bem conhecida para abranger, finalmente, o público feminino. O esquema “Host Club” (um despreocupado, um onii-chan, um megane, um shota e um tsundere) está dando certo nesse anime também. Lógico que verei até o fim e ficarei no aguardo de um live-action.

Gatchaman Crowds

capture-20130807-001404

Efeito halo: Japoneses fazendo o que sabem de melhor.

Déjà vu: Durarara!!, Cencoroll, Tsuritama.

Comentário geral: Gatcha, Gatcha, Gatchaman! Esse é um dos animes que faz pensar “só japoneses mesmo para inventar essas coisas”. Saber que é uma releitura do clássico “Batalha dos Planetas” de 1972 (minha mãe nasceu nesse ano) faz renascer aquele sentimento nostálgico e reviver a criança interior. Um enredo interessante, que traz a tona reflexões sobre o impacto da tecnologia na sociedade atual, terrorismo e outros. A única coisa que me confunde muito ao assisti-lo são os “shows estroboscópios” que piscam no olho e me dificultam a concentrar na legenda e nas cenas ao mesmo tempo. Quem entende bem japonês não deve ter esse problema, acho. Tirando isso, é um ótimo anime, com uma trilha sonora empolgante (sem falar no lindo Miyano Mamoru dublando o arqui-vilão).

Gin no Saji

capture-20130807-001528

Efeito halo: Kiss youuuuuu

Déjà vu: Meus meses jogando Harvest Moon

Comentário geral: O hype pela série já vem há tempos. Hiromu Arakawa-sensei é uma das melhores mangakás da atualidade, tornando esse slice-of-life tão interessante quanto o mundo da alquimia. Gin no Saji é uma história muito cativante, e que traz ótimas lições de vida para nós pessoinhas da cidade. Recomendo que leiam o post da @betablood no Elfen Lied Brasil sobre, realmente vale a pena.

Hakkenden Touhou Hakken Ibun 2

capture-20130807-002124

Efeito halo: A volta dos divos oito cães do leste e companhia. My body is ready.

Déjà vu: Inu x Boku, Natsume Yuujinchou, Pandora Hearts e X-TV

Comentário geral: Podem considerar exagero ou delírio de fangirl, mas Hakkenden é um dos animes mais bonitos que já vi. Desde a abertura com a voz poderosa da Faylan (que cantou o primeiro ED e a segunda OP de Mirai Nikki) até o encerramento “Fate Zero style” por Ceui eu simplesmente não vejo os minutos passarem. O character design é caprichado, fotografia/iluminação harmônicas e detalhadas, e uma trama amarradinha baseada na mitologia japonesa. Se não fosse o pré-conceito que as pessoas têm pela história, creio que a série faria bem mais sucesso. Digo por mim mesma, que tinha um pé atrás de como o tal do shounen-ai seria mostrado na série e me surpreendi. Sendo sincera, temos battle shounens com cenas mais sugestivas do que as que acontecem em Hakkenden, que na maioria das vezes ocorrem para contribuir no humor da série, sem forçar.

Inu to Hasami wa Tsukaiyou

capture-20130807-002552

Efeito halo: O que a sociedade protetora dos animais diria numa hora dessas?

Déjà vu: Dansai Bunri no Crime Edge, Tasogare Otome x Amnesia.

Comentário geral: Quando li a sinopse, juro que esperava algo bem diferente. Tudo que tem “nonsense” na descrição acaba sendo uma loteria: ou faz sucesso, ou é ignorado. Creio que esse anime vai para o lado dos ignorados se a trama continuar assim. A relação entre os personagens principais ainda está me fazendo assistir, mas os secundários não estão se destacando muito até agora. Outra coisa que me incomoda nesse anime é algo semelhante ao que disse de Gatchaman, só que pior. O esquema de cores às vezes fica tão carregado (principalmente no vermelho e preto) que torna até as cenas mais dramáticas (como a que Kazuhito têm a chance de vingar sua morte) destoadas. A discussão sobre a influência das histórias da ficção na mente das pessoas (como no anime “Dantalian no Shoka”) é o ponto forte que considero nesse anime.

Kami-sama no Inai Nichiyoubi

capture-20130807-002943

Efeito halo: Papai! Não, pera. Quem viu a kombi na abertura?

Déjà vu: Maoyuu Maou Yuusha, Fate Zero, Tegami Bachi.

Comentário geral: Só vi o primeiro episódio, então não posso ficar opinando muito. Se for considerar a animação, esse anime é impecável (MadHouse e Sentai juntos). A trama é bem curiosa, por isso pretendo acompanha-lo.

Love Lab

capture-20130807-003145

Efeito halo: E se as meninas de K-ON planejassem arranjar namorados?

Déjà vu: Princess Princess (ao inverso), Azumanga Daioh.

Comentário geral: Esse anime foi adicionado de última hora no post, mas tinha que comentar dele. O primeiro episódio foi muito engraçado, impossível não relacionar com o “moe-moe-kyun” clube de música leve (lembram do “Ricopeno” que sempre faz a Mio rir? Até isso é mencionado em Love Lab). Não é uma história tremendamente original, mas tem seu encanto (principalmente aos fãs do gênero). Assistam e tirem suas conclusões.

Makai Ouji – Devils and Realist

capture-20130807-003253

Efeito halo: “Puxadinho” da temporada anterior, aproveitando a deixa de Karneval

Déjà vu: Pandora Hearts e Kuroshitsuji tentaram dar sua benção a esse anime, mas pelo visto não deu muito certo.

Comentário geral: Até agora, esse anime não está deixando sua marca. Talvez seja meu hype com outras obras, ou talvez a história futuramente melhore. Gosto de histórias envolvendo demônios x igrejas, e somando isso às aparições esporádicas da voz de meu querido Jun Fukuyama me fazem continuar vendo esse anime. As únicas partes que me fazem rir são as tsunderagens do personagem principal, pois de resto esse anime precisa melhorar.

Recorder to Randoseru Mi☆

capture-20130807-003353

Efeito halo: Atsushi, seu lindo, o que fizeram com você? !

Déjà vu: Minami-ke. De leve.

Comentário geral: Uma adolescente que parece do fundamental e seu irmão do fundamental que parece um homem adulto. Uma trama simples e com humor bem dosado que acontece desde as primeiras temporadas. Mas, no que parece um corte de gastos, a animação deixou de ser agradável. Depois do choque que foi a mudança do character design e afins, só vou terminar essa comédia em suas notas musicais futuras se o roteiro compensar (e isso se continuarem a fazer essa série).

 Rozen Maiden 2013

capture-20130807-003546

Efeito halo: Nosso Jun cresceu, kawaii! Shinku, sempre diva. Só lamento, Hinaichigo.

Déjà vu: GOSICK e a série antiga, claro.

Comentário geral: O mesmo que disse em Hakkenden digo para Rozen Maiden, que anime lindo (Studio Deen se superando). Como sempre, ALI PROJECT (Code Geass, Another, Noir) e suas músicas orgásticas, sendo que a dessa temporada ilustra bem a maturidade dessa nova versão. Fiquei na dúvida sobre como o humor, muito explorado na série anterior, iria ser. Mas depois do episódio 04, vi que tinha me preocupado a toa. O drama acerca do trauma de Jun não poderia ser mostrado de forma melhor, fiquei realmente tocada. Não vejo a hora de todas as Rozens se reunirem.

Servant x Service

capture-20130807-003902

Efeito halo: “Lucy Kimiko Akie Airi Shiori Rinne Yoshiho Ayano Tomika Chitose Sanae Mikiko Ichika Yamagami”. E eu reclamo do escrivão ter registrado meu nome sem um acento…

Déjà vu: Working!!, Kotoura-san e meu local de trabalho.

Comentário geral: Se você trabalha/trabalhou em escritório vai se identificar e muito com esse anime, como eu. Esse é uma das “descobertas” da temporada, pois cada episódio está melhor que o outro. Não vou dizer muito, pois realmente quero que confiram!

Uchouten Kazoku

capture-20130807-004121

Efeito halo: Meu primos Tanuki só aprontam…

Déjà vu: Ponpoko (que preciso terminar de ver), Tsuritama, Inu x Boku, Kyousougiga.

Comentário geral: Adoro animes de mitologia japonesa, e Uchouten é bem movimentado e maduro (embora a primeira vista não pareça). Espero muito desse anime, recomendo que confiram.

Watashi ga Motenai no wa Dou Kangaete mo Omaera ga Warui

capture-20130807-004402

Efeito halo: Tenho que largar um pouco meu vício Uma Konata que não deu sorte.

Déjà vu: Lucky Star, Welcome to NHK!, Sasami-san@Ganbaranai.

Comentário geral: Mais um anime com nome gigante. WataMote também me surpreende a cada episódio que passa, saindo cada vez mais dos padrões e mostrando ser capaz de agradar tanto homens quanto mulheres. Em situações que mesclam inocência e indecência (a cena do massageador e do nagita foram impagáveis) Tomoko-chan mostra que até mesmo os impopulares podem ser carismáticos. Pelo menos do lado de fora da tela.

Obs.: no post sobre a temporada de primavera, não coloquei o resultado de quais consegui acompanhar até o fim. Até o presente momento, os únicos completos são Hataraku Maou-sama!, Karneval, Oregairu e Suisei no Gargantia. Acompanho Shingeki no Kyojin toda semana. Os outros, por motivos diversos, então na fila de espera (em parte pela falta de tempo, em parte pela atual temporada). E pensar que tenho animes da temporada de outono 2012 no on-hold ainda…

Eu tentando calcular o tanto de tempo livre que preciso...

Eu tentando calcular o tanto de tempo livre que preciso…

Anúncios